iniciar sessão

Ensaios

Honda PCX 125 eSP

  • Escrito por Pedro Frutuoso
  • Publicado em Ensaios
  • Visualizações: 6929

Honda PCX 125 eSP

Chegou a altura de experimentarmos a scooter mais vendida no País: a Honda PCX!

Com um estilo dinâmico graças às linhas fluídas e curvas, a PCX tem um visual leve.

A unidade ensaiada foi a versão de 2012. Esta versão está equipada com um novo motor, apelidado de "eSP" (enhaced Smart Power), mais económico e 10% mais eficiente em potência e binário que a versão anterior.

O consumo anunciado pela marca, de 2,1l/100KM, não foge da realidade sendo que se efectuaram cerca de 270km com um depósito de 6 litros. Estes baixos consumos têm uma pequena ajuda do Sistema de Paragem Automática ao Ralenti (o "Idle Stop"). Este sistema desliga automaticamente o motor após 3 segundos ao ralenti e volta a arrancá-lo instantaneamente quando se roda o punho do acelerador. Este sistema pode ser desligado através de um interruptor localizado no punho direito.

Sendo a sua velocidade máxima de 110km/h, em aceleração esta scooter rapidamente atinge os 80km/h. Os 50km/h (partindo com o motor parado) são atingidos em cerca de 3 segundos, o que serve para nos dar um bom avanço ao trânsito quando arrancamos de um semáforo.

Graças ao seu baixo centro de gravidade, a PCX é bastante ágil na sua condução e juntamente com o Sistema de Travagem Combinada, que reparte a travagem entre as duas rodas (quando se trava apenas com o travão de trás), transmite uma boa sensação de segurança a quem a conduz.

A suspensão traseira notou-se um pouco rija demais para os percursos em que o piso não se encontra nas melhores condições, o que infelizmente é muito comum.

O painel de instrumentos apresenta apenas o essencial: velocímetro, piscas, luzes, indicador do "Idle Stop" e um ecrã digital onde nos é disponibilizado o conta-quilómetros total, parcial e o indicador de combustível no depósito. O único ponto negativo a apontar é a falta de um relógio neste mostrador.

Quanto a arrumação, existe um pequeno compartimento no tablier para guardar a carteira ou o telemóvel. Debaixo do banco existe espaço suficiente para pouco mais que um capacete integral.

Existem 4 cores disponíveis: branco, preto, cinzento e vermelho mas em 2013 a Honda irá adicionar mais uma cor: Petrol Blue Metallic - Azul (embora nos pareça mais esverdeada que azul!).

Em suma, a Honda conseguiu criar uma scooter bastante eficiente para andar no meio da cidade com agilidade, economia e fácil de conduzir até para quem se estreia no mundo das duas rodas (sendo uma 125cc, é possível conduzir esta scooter tendo apenas carta de carro!). Aliando a isto tudo, temos o preço também muito convidativo: 2.580€.

 

Pontos positivos




Consumo
Arranque
Preço

 

Pontos negativos



Suspensão traseira
Pneus de origem em piso molhado

 

 

Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP
Honda PCX 125 eSP

Best gambling websites website